Por que devo realizar os repasses diariamente?

17.08.20 11:37 Comentário(s) Por Leonardo Braz

Sabemos que a rotina dos cartórios tem horários bem definidos para as atividades. Recepção de títulos, retornos, são algumas atividades que precisam ser feitas diariamente. O pagamento dos valores de repasse também é uma atividade que precisa ser feita diariamente, mas sabemos que alguns cartórios ainda possuem dificuldade em realizar esse processo todos os dias.

Seja por esquecer, por ter outras atividades ou por não se programarem, temos notado que muitos cartórios vêm demorando a realizar essa rotina, e decidimos elaborar esse artigo para ajudar a entender a importância de definir os horários das tarefas, principalmente a de repasse.

Primeiro, por que eu devo realizar o pagamento do repasse no dia seguinte ao pagamento?


A demora no repasse de valores pelos cartório gera alguns transtornos entre o cliente e o credor. Cadastro bloqueado, impossibilitando novas compras é o mais grave, além do cliente não entender que existe um tempo até que o valor dele seja compensado, caso tenha sido feito depósito ou pagamento de boleto.

Como me programar para melhor realizar essa rotina?

O responsável pela parte de protesto no cartório precisa entender como é o fluxo de suas atividades. Programar seus horários, definir prioridades e estipular tempo para cada atividade pode ajudar bastante a não atrasar nenhuma delas.

Então, aqui vão algumas dicas sobre como gerir melhor seu tempo de trabalho:

1) Escreve quais são as suas atividades: saber o que fazer é a primeira coisa. Liste suas atividades, atribuindo a ordem cronológica. Isso facilitará estipular o tempo e o que se deve fazer primeiro.

2) Estabeleça quais as atividades prioritárias: depois de saber o que fazer, é importante que você saiba o que é imprescindível, ou seja, não pode ser adiado, e o que pode ser feito em um horário mais flexível.

3) Estipule um tempo para cada atividade: sempre procure atribuir um tempo para cada atividade. Nos primeiros dias de organização, veja quanto tempo é gasto em cada atividade. Assim, você terá uma ideia de como será o seu dia.

4) Programe pausas: depois de saber quanto tempo é gasto em cada atividade, estabeleça o seu tempo de pausa. As  pausas são importantes para descansar e também para refrescar a mente para que mantenhamos o ritmo de trabalho de                                             forma saudável.

                                          5) Busque melhorar as atividades a cada novo acontecimento: ao fazer atividades diárias, procure não somente fazer                                                  somente por fazer, mas busque observar o que você precisa melhorar no seu trabalho e teste essas mudanças.

Compartilhar -